O profissional de informática e o jogador de futebol.

15 10 2010

Quanto eu tinha mais ou menos 16 anos, fiz um curso de Basic. O curso era ministrado num moderno PC-XT com monitor de fósforo verde. Aprendi o básico do básico: variáveis, loops, saidas e entradas… Ali eu tive a certeza do que eu queria fazer da minha vida profissional.

Fui estagiário, programador jr, pleno, sênior. E então, o mercado de informática estragou a brincadeira. Subir na carreira não significava mais dominar técnicas e/ou linguagems, nem me destacar entre os demais, mas sim, me trasformar em um novo profissional, o “Analista”.

O mercado agora esperava que, além de ser um excelente programador, eu tivesse capacidade de fazer levantamentos, controlar prazos, participar de reuniões, ou seja muitas vezes deixar de lado o que eu mais gostava de fazer.

Façamos um paralelo com o futebol. O Ronaldo arrebentou muito novo. Maior atilheiro de todas as copas, melhor jogador do mundo etc. E se no futebol, para ganhar bem, você tivesse que ser técnico?

O Ronaldo seria tão bom técnico quanto foi atacante? Vale a pena para o mercado da bola, pros torcedores e pro Ronaldo, deixar o que ele nasceu pra ser pra ganhar mais?

O futebol é meritocrático. Cada um ganha conforme seus méritos dentro da sua posição. O atacante ganha muito bem, assim como um grande camisa 10 e também o técnico vitorioso.

É mais raro, mas jogadores de defesa também conseguem seu espaço nas contratações e salários milionários.

Uma empresa/departamento de informática também não pode ser comparada a uma equipe de futebol? Em linhas bem gerais e bem simplistas, temos:

  • O planejamento e estratégia do técnico (Gerente);
  • A segurança da defesa (Infra/Suporte);
  • E o pessoal da criação/ataque (desenvolvedores/analistas/designers)

Assim como no futebol, muitas dessas posições dividem responsabilidades de criação/defesa.

E porque raios os nossos atacantes são considerados menos importantes nessa estrutura? Deveria o Ronaldo ganhar menos que o Felipão?

Não podemos questionar o papel de todo o time nas conquistas, ninguém ganha nada sozinho, mas lembram de Romário em 1994 e Ronaldo em 2006? Quanto dessas copas dependeu da genialidade e habilidade desses dois craques?

Em uma empresa de informática comum, os Romários e Ronaldos iriam embora de ônibus depois da festa de entrega de um produto, enquanto a comissão técnica sairia carregada pelo povo para desfile em carro público. Tem lógica?

O mercado de informática devia aprender com o futebol. Valorizar seus talentos pela colaboração que eles trazem para o time, reconhecer que sem os “atacantes” não sai gol, e que os craques devem ser tratados como tais.

Anúncios

Ações

Information

4 responses

14 12 2010
Marcelo Diniz

Hoje sou programador e tenho que ser analista tbm por muitas razões na empresa onde estou, e sim, deveriamos ser mais valorizados. E uma coisa, esse texto me parece mais uma revolta de uma pessoa que não foi tão reconhecido como merecia ou achava, mas entendo essa revolta que muitas vezes fico assim tbm, mas no final das contas alguém acaba reconhecendo (ou não)….

Mas muito boa a comparação, e sim, devemos ser mais bem reconhecidos e remunerados, mas claro, conforme o que se faz…

14 12 2010
Alex

HEheheh não tem revolta Marcelo, só acho que o mercado não sabe valorizar, vê o programador como degrau acima do estágiario e nós sabemos que não é bem assim que funciona não é ?

Eu deixei de ser programador profissionalmente a muito tempo por motivos de $, mas nunca larguei o hobby.

2 01 2011
Flavio Silva

Muito bom o post. Esta é a realidade, mas o pior é que os programadores são marginalizados…. hehehe…. é osso cara.

Como o Alex disse, infelizmente temos que tomar “decisões financeiras”, mas não podemos largar “the art of programming”.

T+
@flavio1110

19 01 2011
Leandro

excelente texto! parabéns!

infelizmente já estou quase desistindo de ingressar no mercado.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: